Arquivo do mês: abril 2008

a nova loucura do verão

Sandálias Francesinha, em propaganda de 1982!

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em ...na vida

mas, que diabo!

“Mas, que diabo, essa gente não usa calças.”

Michel de Montaigne, em seus Ensaios (1572 – 80) após encontrar um par de índios brasileiros em Ruão, em uma “exibição” dos mesmos para o rei Carlos IX.

Deixe um comentário

Arquivado em ...na vida

linha cruzada

Eu, quase-japa, quase-francesa, colecionadora de Vogues Nippon, me deparei com esta Vogue franco-especial, com o sugestivo título Frech Kiss

Que tem diversas reportagens francesinhas, com estilistas e personagens de lá, e, para minha surpresa, uma matéria sobre a nova French Manucure, a nossa unha francesinha!

 

Linha cruzada para todos os lados…

Deixe um comentário

Arquivado em ...na vida

générik vapeur

E como foi?

Eu não fui, mas encontrei um bom relato no blog danielmitsuo.com, com vídeo feito com celular e tudo.

Aqui, uma foto do evento, tirada por ele também

 

Deixe um comentário

Arquivado em ...nas artes

o mistério da unha francesinha

Com o termo “unha francesinha” na cabeça e o Google à mão, lá fui eu procurar as origens de tal nome tendo a certeza de que tudo não passava de uma invencione à brasileira. Mas eu estava muitíssimo enganada. De cara, logo no começo da minha busca, me deparei com o kit French Manucure Pinceau Idéal da Bourjois, que me deu a pista de que existiria sim um estilo internacionalmente chamado de French Manucure.

Inevitavelmente caí no Wikipedia, onde li que este estilo de “manicure” deve ter sido originada no século 18 em Paris, tornando-se popular entre os anos 20 e 30. O estilo teria sido escolhido por parecer muito simples e dar um ar natural à unhas (sua simplicidade, no entanto, reside apenas na aparência final, já que o processo todo é bem trabalhoso).  O engraçado é que o artigo cita também que “a sua popularidade seria também atribuída ao crescimento da indústria pornográfica americana” – mas não encontrei maiores referências sobre isso.

Iniciando uma nova busca no google, encontrei o site “oficial” da francesinha, o www.frenchmanicure.com, um artigo da bbc sobre o assunto, o passo a passo da francesinha da personagem Clarice da novela Sete Pecados no G1 (eu, que sou noveleira, nem tinha reparado nisso) e, finalmente, um vídeo-rápido com todo o processo do French Manicure em apenas 4 minutos e 14 segundos, em uma língua ininteligível, provavelmente em holandês…

Enfim, um estilo global de fazer unhas. E eu que pensava que o “francesinha” não passava de uma referência equivocada ao país mais chique da história…

 Pardon!

5 Comentários

Arquivado em ...na vida

sorvetes laurent

Um dia lindo como esse fica ainda mais completo com um sorvete? Para mim, o melhor da cidade é hoje feito pelas mãos do chef de cozinha Laurent Suaudeau, com toque italiano e alguns sabores brasileiros, lindas taças e fantásticos docinhos bem franceses (como as madeleines e os macaroons)

A Vipiteno fica na movimentada Manoel Guedes, no número 85.

Fica aberta até a meia noite! Vá lá e depois aproveite a virada cultural, que tem atração francesa este ano.

1 comentário

Arquivado em ...na cozinha

oui, virada cultural com toque francês

As noites brancas (nuit blanche) de Paris podem ou não ter servido de inspiração para as nossas Viradas Culturais, mas uma de suas principais atrações estará aqui neste fim-de-semana, nesta virada cultural, para fazer mais francesas as nossas noites.

O grupo francês Générik Vapeur apresenta a partir das 21h30 do sábado (26) e a partir das 3h30 do domingo (27) o espetáculo Bivouac, um teatro de cortejo de rua com intervenção no espaço público, criando um “percurso emocional” no centro da cidade. 

Saída: em frente à Galeria Olido (av. São João, 473) 

Deixe um comentário

Arquivado em ...nas artes