nossos brasileiros na frança: oscar niemeyer

“Se eu não pudesse mais viver no Rio, é em Paris que eu moraria”, disse o arquiteto brasileiro Oscar Niemeyer em 1990 a um jornalista francês. No período em que ficou exilado na capital francesa (entre os anos de 1967 e 1972) projetou, de graça (e baseado em todas as suas convicções socialistas), a sede do Partido Comunista Francês.

O prédio está hoje na lista dos monumentos nacionais da França e é admirado por sua fachada ondulada, como se fosse uma bandeira ao vento. Mais tarde, ele realizou a obra que a UNESCO incluiu, em 2005, na lista do patrimônio mundial: a Casa da Cultura, da cidade francesa de Le Havre, inaugurada em 1982.

(Informações obtidas em reportagem realizada por Mário Câmera)

Em dezembro de 2007, o arquiteto foi condecorado com a medalha e o título de comendador da Ordem Nacional da Legião da Honra em cerimônia comandada pelo embaixador da França no Brasil.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em ...nas artes, ...nossos franceses

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s