nosso quase-francês: santos dumont

Talvez o nosso mais famoso quase-francês seja Santos Dumont, o pai da aviação e o pai de muitas outras coisas que nos rodeiam, como o relógio de pulso.

Sempre achei que o nosso “pai da aviação”, como era conhecido, tinha vivido na França por estar ali, no começo do século passado, o centro de toda a cultura européia. Ledo engano. Santos Dumont é neto de franceses, seus avós paternos François Dumont e Euphrasie Françoise Honorée.

Segundo a Wikipedia, “François veio ao Brasil em busca de pedras preciosas para as indústrias de seu sogro, ourives. Teve três filhos no Brasil (Henrique, Victor e um desconhecido) e faleceu cedo. Henrique, pai de Santos Dumont, apoiado pelo padrinho, se formou na “École des Arts et Métiers” (Escola de Artes e Ofícios de Paris), tendo se formado engenheiro.”

Para reafirmar sua identidade franco-brasileira, Santos Dummont assinava sempre Santos = Dummont, equilibrando as suas duas nacionalidades:

Seus primeiros vôos foram performados em Paris, onde viveu boa parte de sua vida.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em ...na vida

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s