Arquivo da tag: Brigitte Bardot

bb no brasil

Brigitte Bardot, nascida Brigitte Anne-Marie Bardot (Paris, 28 de Setembro de 1934), além de ser a responsável pela popularização de St. Tropez, na França, também foi responsável pela repercussão mundial de Búzios no litoral do Rio de Janeiro, onde ficou hospedada em suas visitas pelo Brasil, na companhia do namorado Bob Zaguri, um playboy e produtor marroquino que viveu muitos anos no Brasil.

Em sua homenagem , a prefeitura local criou a Orla Bardot, na Praia dos Ossos, e instalou ali uma estátua de bronze da atriz em tamanho natural.

brigitte de bronzeO único cinema do sofisticado balneário leva o nome da atriz. Em sua biografia, ela deixou registrado que os períodos passados na região foram as épocas mais lindas de sua vida.

—————————————

Outra marca deixada no Brasil foi uma possível marchinha de Carnaval que um dia ouvi da boca de um amigo argentino. Achei que fosse brincadeira dele, até que escutei a mesma marchinha no documentário sobre ela no GNT. Procurei muito mas nunca encontrei nenhuma referência sobre ela, e ainda menos algum registro em áudio, para que eu publicasse algo mais esclarecedor aqui… continuo procurando, mas era algo como “Brigitte Bardot ô, ô, ô” 🙂

————————————

Fonte: Wikipedia

Deixe um comentário

Arquivado em ...na vida

conexão ouioui – japas

Brigitte Bardot em Japonês

3046750365_c6aae602a6

1 comentário

Arquivado em ...u-lá-lá!

dentes, pernas, bandeiras, bomba e brigitte bardot

brigitte-mar_pr

Caetano também cantou Brigitte Bardot

Alegria, Alegria 

Caminhando contra o vento,sem lenço sem documento, 
no sol de quase dezembro eu vou. 
O sol se reparte em crimes, espaçonaves guerrilhas, 
em cardinales bonitas eu vou. 
Em caras de presidentes, em grandes beijos de amor, 
em dentes, pernas, bandeiras, bomba e Brigitte Bardot 

O sol nas bancas de revistas, me enche de alegria e 
preguiça, quem lê tanta notícia eu vou. 
Por entre fotos e nomes, os olhos cheios de cores o 
peito cheio de amores vãos. 
Eu vou, por que não,por que não? 

Ela pensa em casamento e eu nunca mais fui a escola 
sem lenço sem documento eu vou. 
Eu tomo uma coca-cola,ela pensa em casamento e uma 
canção me consola, eu vou. 

Por entre fotos e nomes,sem livros e sem fuzil, sem 
fome, sem telefone no coração do Brasil. 

Ela nem sabe até pensei, cantar na televisão, o sol 
é tão bonito eu vou,sem lenço sem documento, nada no 
bolso ou nas mãos, eu quero seguir vivendo, amor. 
Eu vou por que não, por que não… 

(Caetano Veloso)

Deixe um comentário

Arquivado em ...na música

a saudade é brigitte bardot

brigitte-bardot

Vi E Brigitte Criou Bardot sobre a vida e carreira de uma das mulheres mais bonitas e mais expostas de todos os tempos. O documentário, que passou na GNT e tem reprises no sábado dia 22 e na segunda dia 24 de novembro, é conciso e muito atraente, como a própria personagem. Fiquei encantada por sua beleza, mas principalmente por sua sagacidade, ela era esperta, e está incrivelmente lúcida, minha gente.

Em um dos momentos do filme ela diz algo como “É cansativo ser bela o tempo todo. Sorte que agora sou feia e estou recuperando o tempo perdido”.

Musa de vários artistas e cantores franceses, Brigitte (BB) também deixou sua marca por aqui, em canções que a relembram e a veneram:

“a saudade
é uma colcha velha
que cobriu um dia
numa noite fria
nosso amor em brasa
a saudade
é brigitte bardot

acenando com a mão
num filme muito antigo”

de Zeca Baleiro

 

A Brigitte Bardot está ficando velha,
envelheceu antes dos nossos sonhos.

Coitada da Brigitte Bardot,
que era uma moça bonita,
mas ela mesma não podia ser um sonho
para nunca envelhecer.
A Brigitte Bardot está se desmanchando
e os nossos sonhos querem pedir divórcio.
Pelo mundo inteiro
têm milhões e milhões de sonhos
que querem também pedir divórcio
e a Brigitte Bardot agora
está ficando triste e sozinha.
Será que algum rapaz de vinte anos
vai telefonar
na hora exata em que ela estiver
com vontade de se suicidar?
Quando a gente era pequeno,
pensava que quando crescesse
Ia ser namorado da Brigitte Bardot,
mas a Brigitte Bardot
está ficando triste e sozinha”

de Tom Zé

 

“A Maria “tá”, “tá” sim senhor

Quem disse que “tá” foi o doutor (bis)

Que bom qu’eu vou ser pai
E o papai vai ser vovô
Se for homem eu vou botar meu nome
Se for mulher é Brigitte Bardot!”

de Haroldo Lobo e Milton de Oliveira

E tem mais BB, no nosso próximo post…

Deixe um comentário

Arquivado em ...na música, ...na vida, ...no cinema

ícones franceses de ontem e hoje… e sempre

Francoise Hardy, cantora francesa

Anna Karina, atriz estabelecida na França

Coco Chanel, estilista

Jean Seberg, atriz americana que passou um bom tempo na França e atuando em filmes franceses

Catherine Deneuve, atriz

Carole Bouquet, atriz

Brigitte Bardot, atriz e sexy simbol

Lou Doillon, atriz, filha de Jane Birkin

Deixe um comentário

Arquivado em ...na vida, ...nas artes

a história de Elle

Está na programação do canal de televisão paga Eurochanel, o documentário Histoires d’Elle, sobre a trajetória de uma das mais mais renomadas e cobiçadas revistas femininas, a Elle francesa.

São 60 anos de arquivos da publicação, sobre moda, decoração, beleza epersonalidades. Um apanhado de depoimentos das leitoras reconstróem as principais angústias e conquistas da mulher a partior da dácada de 50.

Dá até pra brincar de adivinhar quantas aparições em alto estilo das eternas musas Brigitte Bardot e Catherine Deneuve? Ou das contemporâneas Isabelle Adjani e Eva Green! Divirta-se.

Sarah Jessica Parker é capa da Elle francesa de maio, pelo lançamento do filme Sexy and the City, nada mais à propos, d’accord?

Deixe um comentário

Arquivado em ...na moda, ...nas letras