Arquivo da tag: música

pepare-se para as meninas do plastiscines

Os dois shows das meninas    na cidade acontecem dia 4, à 1h, no Vegas e dia 6, às 23h, no Via Funchal.

Aproveite para ouvir o novo rock que embala a França e caprichar no look, inspirando-se na mistura de peças das francesinhas.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em ...na moda

i can’t speak french

Tá, estava eu aqui, tentando fazer um post sério sobre as dificuldades de falar francês e me deparo com esse grupo de música britânico chamado Girls Aloud, para mim quase um Spice Girls, cantando (e fazendo sucesso) com o hit I Can’t Speak French…

Lá vai:

Deixe um comentário

Arquivado em ...na música

oui, charles aznavour de volta. prepare-se

Sim, Charles Aznavour mal veio e já está voltando. Sorte nossa! Em abril deste ano, o cantor anunciou que fazia a sua última apresentação em terras brasileiras, mas cinco novas apresentações já foram anunciadas para setembro próximo em São Paulo (dia 11), Recife (dia 12), Fortaleza (dia 13), Goiânia (dia 16) e Rio de Janeiro (dia 20).

Nascido em Paris com o nome de Chahnour Varinag Aznavourian, o cantor é filho de um casal de armênios que fugiram do massacre turco. A mãe do cantor era atriz e o pai, barítono, fazendo com que o ícone da música francesa crescesse em um ambiente de artistas e poetas.

“Eu sou um artesão, um homem tranqüilo que escreve e faz suas canções”, afirmou o cantor quando esteve em São Paulo.

Autor de mais de mil canções, em mais de 70 anos de carreira, Aznavour conta que gosta das diferentes interpretações que são dadas às suas músicas e que sempre tenta absorver influências dos países onde se apresenta. No caso do Brasil, Tom Jobim e João Gilberto tiveram peso sobre sua visão musical. Aznavour disse que conheceu o músico baiano em um jantar e delcarou ter tido o privilégio de conhecer a bossa nova antes da França e dos EUA. 

Em São Paulo, o show ocorre no Via Funchal, em Recife, no Chevrolet Hall, em Fortaleza, no Siara Hall, em Goiânia, na Arena Goiânia, e Rio, no Vivo Rio.

——————

Leia mais sobre a última turnê do cantor aqui

Deixe um comentário

Arquivado em ...na música

rock de boa moça

Assunto irressistível para este nosso OuiOui é a reportagem de ontem de Lúcio Ribeiro para a Folha de São Paulo sobre o grupo Plastiscines que toca no Brasil no começo de setembro. Eu não conhecia. Li a reportagem, fucei no google, ouvi no myspace, deixei rolando a música no YouTube e adorei.

As meninas juntam um rock-“pesado” com guitarras, maquiagem e roupas da moda (leia-se moda francesa moderna à la Colette) e estão chamando atenção (para o bem ou para o mau por aí). A crítica, muitas vezes, é de que elas estão mais para moda e catálogo de roupa do que para música de verdade. Mas a minha pergunta é: por que levar tudo isso tão a sério? Elas são divertidas, mesclando esta coisa de música de garagem com moça de família. Eu adorei!

Falando em estilo, a que mais se destaca é com certeza a guitarrista e vocalista Katty Besnard, com sua trancinha na franja e seu jeito brechó-despojado.

Onde:

Festival Porão do Rock -Brasília – 5 de setembro

Festival Orloff Five – São Paulo – 6 de setembro

Música e vídeo:
duas músicas no disco-manifesto Paris-Calling

cd de estréia lançado em 2007 com o nome de “LP1”

clipe da música Loser

Declaração:

“Acho meio bizarro um país longe como o Brasil ter interesse no nosso som. Fora da França, só tocamos no Reino Unido e nos EUA. Mas notamos, pelo MySpace [myspace.com/plas tiscines], que há muito acesso às nossas músicas vindo daí”, disse à Folha, por telefone, Louise Basilien, baixista da banda.

Deixe um comentário

Arquivado em ...na música

otto plural

Otto, o percusionista e cantor, é descendente de holandeses e índios, nascido em Pernambuco de onde saiu em 1989 para passar dois anos na França, tocando percussão nas ruas e metrôs de Paris. 

Daí a razão de ele ter um estilo tão plural e tão próprio, e de colocar uma pitada de francês (sempre com sotaque pernambucano) nas suas músicas

Low

C’est un mes que

Que je conassais a Caruaru

Lundi, Mardi, Mercredi, Jeudi

C’est un mes que a des hatis

Pour le weekend

C’est legalize low

 

Legalize low

 

C’est pas ma faute

C’est pas la question

Ma mére est mort

Et mon pére il n’a pas de l’argent

C’est pour ça que je demande

 

Legalize low

 

Deixe um comentário

Arquivado em ...na música

joana francesa

Pegue Chico Buarque e seu charme. Imagine seu bico entoando uma música parte em francês, parte em português. Isto é Joana Francesa, composta por ele (e por Roberto Menescal) para o filme de mesmo nome de Cacá Diegues, com Jeanne Moreau, em 1973.

Agora, cante junto:

Tu ris, tu mens trop
Tu pleures, tu meurs trop
Tu as le tropique
Dans le sang et sur la peau
Geme de loucura e de torpor
Já é madrugada
Acorda, acorda, acorda, acorda, acorda

Mata-me de rir
Fala-me de amor
Songes et mensonges
Sei de longe e sei de cor
Geme de prazer e de pavor
Já é madrugada
Acorda, acorda, acorda, acorda, acorda

Vem molhar meu colo
Vou te consolar
Vem, mulato mole
Dançar dans mes bras
Vem, moleque me dizer
Onde é que está
Ton soleil, ta braise

Quem me enfeitiçou
O mar, marée, bateau
Tu as le parfum
De la cachaça e de suor
Geme de preguiça e de calor
Já é madrugada
Acorda, acorda, acorda, acorda, acorda

Agora, o próprio Chico explica

Deixe um comentário

Arquivado em ...na música, ...na vida