Arquivo da tag: neoclássico

a frança também é aqui – o verdadeiro neoclássico

Voltando um pouco na história… a influência francesa na arquitetura brasileira durou aproximadamente de 1816 até a Segunda Guerra Mundial e se manifestou sob a forma de quatro estilos distintos: o neoclássico, o eclético, o Art Déco ou Art Nouveau e o moderno.

De acordo com Carlos Lemos, arquiteto e professor titular da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, no Rio de Janeiro, essa influência foi mais forte na época do império e em São Paulo começou a partir do estilo eclético (século XIX), patrocinado principalmente pelos barões do café.

O interessante é que, segundo Lemos, essa inspiração trouxe para o Brasil muito mais do que uma estética de fachada, mas um modo de morar à francesa, em que, pela primeira vez, as construções eram divididas em alas totalmente independentes – de dormir, de estar e de serviço. “Essa é, com certeza, a maior contribuição da arquitetura francesa ao Brasil. Conceito utilizado até hoje na maioria dos projetos”, afirma.

O neoclássico

A arquitetura neoclássica foi fruto da reação antibarroco e anti-rococó, deflagrada pelos novos artistas-intelectuais do século XVIII – formados no clima cultural do racionalismo iluminista e educados no entusiasmo crescente pela Civilização Clássica, cada vez mais conhecida e estudada devido aos progressos da arqueologia e da história.

Achei uma lista de características* deste movimento artístico na arquitetura, mas talvez o vídeo abaixo ilustre melhor os seus pontos principais, apresentados a partir de prédios de São Paulo:

————————–

* A lista:
  • Materiais nobres (pedra, mármore, granito, madeiras)
  • Processos técnicos avançados
  • Sistemas construtivos simples
  • Formas regulares, geométricas e simétricas
  • Uso de abóbodas de berço ou de aresta
  • Uso de cúpulas, com frequência marcadas pela monumentalidade
  • Espaços interiores organizados segundo critérios geométricos e formais de grande racionalidade
  • Pórticos colunados
  • A decoração recorreu a elementos estruturais com formas clássicas, à pintura rural e ao relevo em estuque
  • Valorizou a intimidade e o conforto nas mansões familiares
  • Decoração de carácter estrutural
Anúncios

1 comentário

Arquivado em ...na vida