Arquivo da tag: Serge Gainsbourg

três posts em um

galette

Já falamos aqui do restaurante Le Petit Trou, de crepes francesas e de Serge Gainsbourg. Neste post, os três assuntos se juntam em um, já que o Petit Trou, que tem nome em homenagem ao cantor e compositor Serge Gainsbourg, organiza um festival de crepes e galettes.

O festival vai até o dia 23 de novembro e promove a experimentação de galettes (que são preparadas com trigo sarraceno e servidas com recheios salgados), e de crepes (feitas com farinha branca e recheios doces), 9 ao todo.

Destaques para:

Galettes de endívias e presunto cru,

alcachofra ao creme gorgonzola, camarão ao vinho do porto

maçã, presunto de peru e queijo gruyère

Crepes de morango ao chocolate branco

e compota de maçã com espuma de morangos.

Pedindo uma das receitas do festival, o visitante recebe uma caneca de sidra, a bebida perfeita para os pratos da Borgonha.

————————

E você pode sair cantando ao som de “Le poinçonneur des Lilas”, a música cujo refrão dá nome ao restaurante

“Je suis le poinçonneur des Lilas
Le gars qu’on croise et qu’on ne regarde pas
Y a pas de soleil sous la terre, drôle de croisière
Pour tuer l’ennui, j’ai dans ma veste
Les extraits du Reader’s Digest
Et dans ce bouquin y a écrit
Que des gars se la coulent douce à Miami
Pendant ce temps que je fais le zouave
Au fond de la cave
Parait qu’il y a pas de sots métiers
Moi je fais des trous dans les billets

Je fais des trous, des petits trous, encore des petits trous
Des petits trous, des petits trous, toujours des petits trous
Des trous de seconde classe, des trous de première classe.”

Deixe um comentário

Arquivado em ...na cozinha, ...na música

serge gainsbourg

Serge Gainsbourg talvez seja o meu cantor francês preferido. Poderia dizer que ele foi o Chico Buarque da França. Um compositor de letras incríveis, um cantor de voz apaixonante porém pouco potente, um amante das mulheres (tendo casado ou se relacionado com mulheres da categoria de Jane Birkin e Brigitte Bardot).

Sua música mais famosa, e também a mais “escandalosa”, é a Je t’aime moi non plus.

Agora, em um momento que o mundo redescobre Serge Gainsbourg, o Musée de la musique em Paris dedica uma exposição ao cantor. Com um grande volume de objetos que pertenceram a ele, além de fotos, ambientações e manifestações paralelas, que homenageiam o cantor.

1 comentário

Arquivado em ...na música

o embaixador do ano da frança no brasil

Danilo Santos de Miranda, diretor geral do SESC-SP, será o presidente do comissariado do “Ano da França no Brasil”, que já tem 200 atrações confirmadas, mas ele que que cheguem a 600! O Brasil e o ouiouioui agradecem!

Entre as 200 atrações já confirmadas estão mostras de Léger e Matisse na Pinacoteca e Chagall no Masp.  Shows de Patrick Bruel e concerto na Osesp com regência de Louis Langré, e a adaptação da obra de Serge Gainsbourg pela Orquestra Imperial, com participação de Jane Birkin! Além disso, grupos de teatro e até jogadores franceses (talvez a seleção inteira) venham para o evento.

Esperamos mais notícias!

2 Comentários

Arquivado em ...na vida, ...nas artes

programe-se

O Ano da França no Brasil tem abertura oficial no nosso feriado do dia 21 de abril, com uma apresentação pirotécnica na Lagoa Rodrigo de Freitas, no Rio de Janeiro. E o encerramento será também em feriado nacional, da Proclamação da República, dia 15 de novembro, também no Rio, com megashow gratuíto na praia de Copacabana.

Entre uma data e outra, a programação ainda não está fechada, mas algumas presenças mais que ilustres já estão confirmadas e já vale ir se preparando.

 

Doisneau e Arman, em mostra no MAC.

Matisse

Pierre Léger

 Jean Mazon

O cinema autoral de Chris Marker

Serge Gainsbourg pela Orquestra Imperial

Deixe um comentário

Arquivado em ...na música, ...nas artes